CAPA | CIDADES | EVENTOS | ARTIGOS | AÇÕES AFIRMATIVAS | LIVROS | QUALIDADE DE VIDA | AGRO | ESPECIAIS | VIAJAR
VIVER BEM | ENDEREÇOS | VÍDEOS | FOTOS | AUTOS | SAÚDE | CULTURA | EDUCAÇÃO | CIÊNCIA | MEIO AMBIENTE | ENERGIA | LIXO

METEOROLOGIA| QUEIMADAS | SINE | PROCON UBERLÂNDIA | DEFESA CIVIL | CEMIG | DMAE | CEP | CTBC | DETRAN'S | CINEMAS

FALE CONOSCO | EXPEDIENTE | ANUNCIE


Artigos

A importância da assessoria de comunicação

quinta-feira, 26 março, 2009 17:24

Janaína Depiné da Luz

“À mulher de César não basta ser honesta, tem de parecer honesta”

Quem nunca ouviu essa frase, cunhada há umas seis décadas antes de Cristo? Para as empresas, ela parece mais atual do que nunca. Num mercado competitivo, com os serviços cada vez mais semelhantes, o consumidor fica em dúvida na hora de escolher uma empresa ou produto. Por isso, a comunicação passou a ser tão vital.

Somente através das diversas ferramentas de comunicação uma empresa pode passar a imagem de seriedade condizente com o que ela é. Ou seja, não basta fazer um trabalho correto e honesto, uma instituição precisa parecer honesta.

Isso também pode ser chamado de credibilidade, algo que só é obtido quando uma empresa mantém um relacionamento sincero e transparente com a imprensa. Afinal, na era da Globalização, permanecer no mercado é um exercício que exige, desde a constante reciclagem dos colaboradores à postura que a organização toma diante à sociedade.

Hoje, preservar a imagem de uma instituição de forma positiva e mantê-la sintonizada a todos os setores, aos quais mantém algum tipo de relação, é um desafio. Diante essa realidade, a comunicação e o marketing são ferramentas indispensáveis para semear sucesso e colher vitórias.

É importante pensar também que, em tempos modernos, a comunicação deve ser efetuada em tempo real. Não é mais possível deixar uma resposta para amanhã. A sociedade e a opinião pública querem uma resposta agora.

Nesse momento que entra em cena o serviço de assessoria de comunicação. Cabe ao profissional de comunicação buscar transmitir a informação instantaneamente. Abrir as portas da instituição à sociedade significa ter uma boa imagem junto à opinião pública e, como consequência, conquistar a credibilidade.

E nunca é demais lembrar que as piores perdas econômicas de uma instituição, não são meramente resultantes de uma crise financeira, mas de uma perda da imagem empresarial fruto de falhas de comunicação e posicionamentos equivocados no mercado. Para reverter é preciso tomar consciência da importância do tema e investir em processos e profissionais qualificados.

Janaína Depiné da Luz é Jornalista e Relações Públicas, especialista em comunicação empresarial e comunicação on line. Diretora executiva da Lead Comunicação.
ARTIGOS | OUTROS ARTIGOS DESTE AUTOR


Brasil no Google Maps