CaldoQuantico Holopraxis CQL CreSentes DNAtos PARCEIROS EXPEDIENTE ANUNCIE PRIVACIDADE E USOS
 
Capa Geral Caderno 1 Caderno 2 Caderno 3 Caderno 4 Blogs Links Úteis Meteorologia
Instituto Eu Quero Viver

quinta-feira, 17 setembro, 2009 18:24

FAPESP assina acordo com King’s College, em Londres

 
KCL
Cooperação apoiará projetos de pesquisa conjuntos entre pesquisadores da instituição britânica e de instituições de ensino superior e de pesquisa em São Paulo

A Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo, FAPESP, e o King’s College London assinaram na quarta-feira, 16/9, em Londres, um acordo de cooperação para apoio a projetos de pesquisa conjuntos entre pesquisadores da universidade britânica e de instituições de ensino superior e de pesquisa sediados no Estado de São Paulo.

Este é o primeiro acordo entre a FAPESP e uma universidade britânica.

O acordo prevê o apoio a projetos em todas as áreas do conhecimento, e inclui o intercâmbio de pesquisadores e de alunos de pós-graduação. Áreas prioritárias poderão ser estabelecidas pelo Comitê Gestor do programa de cooperação. As chamadas de propostas serão divulgadas a cada dois anos e a seleção de projetos será feita em conjunto pelas duas instituições.

“Estamos muito felizes com a escolha, por parte da FAPESP, do King's College como parceiro para projetos de pesquisa internacionais. O Brasil é um país de grande importância para nossa instituição e tenho certeza de que a assinatura deste acordo marca o início de uma colaboração importante que estimulará relações de pesquisa e levará ao desenvolvimento de pesquisas de alta qualidade por todas as áreas do conhecimento”, disse Keith Hoggart, vice-reitor para Artes e Ciências da instituição britânica.

Carlos Henrique de Brito Cruz, diretor científico da FAPSP afirmou na assinatura do acordo em Londres que “a colaboração internacional é fundamental para o desenvolvimento da ciência em São Paulo e no Brasil. Ao colaborar com o King’s College London, a FAPESP abre um amplo conjunto de oportunidades para a colaboração científica. Como é tradição na Fundação, esperamos propostas em todos os campos científicos.”

As propostas selecionadas serão financiadas por dois anos e podem ser prorrogadas por até um ano quando houver alunos de pós-graduação ligados ao projeto de pesquisa.

O acordo se soma às diversas relações entre o King’s College London e instituições de ensino e de pesquisa em São Paulo, como a Universidade de São Paulo. A universidade britânica sedia o Centro para o Estudo da Cultura e Sociedade Brasileiras.

Fundada pelo rei George IV e pelo duque de Wellington, então primeiro-ministro, em 1829, o King's College London é a quarta mais antiga universidade na Inglaterra. É uma das 25 melhores instituições de ensino superior no mundo, segundo o levantamento Times Higher Education 2008. Tem mais de 21 mil alunos, de quase 140 países, e cerca de 5,7 mil funcionários.

Gerência de Comunicação da FAPESP / Assessoria de Comunicação


Material jornalístico passível de direitos autorais.
Fotos e textos podem pertencer a autores diferentes.
Antes de reproduzir por qualquer meio, consulte sobre autorização
Leia também nossos Termos de Uso e Serviço
Preços, prazos e links podem sofrer alteração e correpondem ao dia em que o material foi publicado

FarolCom no Pinterest
Ciência, Pesquisa e Tecnologia
Brasil no Google Maps
Meteorologia