página de arquivo anterior a 2015 - clique para visitar o site atual

janeiro 2009 | EDITORIA

2º Prêmio INCA - Ary Frauzino de Jornalismo

Jornalistas de todo o país que tiverem trabalhos publicados na área de câncer, em jornais e revistas brasileiros, no período de 1º de janeiro a 31 de dezembro de 2008, podem ser inscrever no Prêmio INCA - Ary Frauzino de Jornalismo, que se encontra em sua segunda edição

Inca*

Promovida pelo Instituto Nacional de Câncer, com o apoio da Fundação do Câncer, a premiação tem como objetivo reconhecer e estimular jornalistas e veículos de comunicação a produzirem trabalhos jornalísticos para a difusão de informações sobre câncer.

As inscrições devem ser feitas de 7 de janeiro a 6 de fevereiro de 2009 por meio de um formulário disponível no site do INCA (http://www.inca.gov.br/premioinca2009) para baixar e preencher. O jornalista deve enviá-lo junto com original e duas cópias do trabalho concorrente, em que estejam visíveis o nome do veículo e a data que a matéria foi publicada, para a sede do Instituto (Praça Cruz Vermelha, 23 - 4º andar - Divisão de Comunicação Social - Centro - CEP 20230-130 Rio de Janeiro-RJ). A postagem deve ser feita até o dia 06/02/2009. Valerá a data da postagem registrada pelos Correios.

O Prêmio INCA - Ary Frauzino de Jornalismo é direcionado para matérias publicadas na mídia impressa, jornais e revistas, com sede no Brasil. O vencedor em cada categoria receberá, além de diploma e troféu, R$ 9 mil (nove mil reais, valor bruto sobre os quais incidirão os descontos previstos em Lei). O pagamento se dará após a divulgação do resultado final do concurso.

O julgamento das reportagens será realizado em duas etapas. Na primeira, a Comissão de Seleção – formada por especialistas e pesquisadores na área do câncer do INCA e da Fundação do Câncer, além de representantes da Divisão de Comunicação do INCA, indicarão entre os trabalhos inscritos aqueles que apresentarem melhores condições de concorrer ao prêmio. Na segunda fase, a Comissão de Premiação, que reúne profissionais reconhecidos por sua atuação em veículos de comunicação, apontará, entre os trabalhos selecionados, o vencedor em cada categoria.

O Prêmio INCA - Ary Frauzino de Jornalismo foi lançado em 2007, como parte das comemorações do 70º aniversário do Instituto Nacional de Câncer. Na primeira edição, as reportagens vencedoras foram “As mil faces do câncer”, matéria da revista Época, e “Pesquisa revela mutações do césio”, do jornal O Popular, de Goiás.

Ary Frauzino

Ex-diretor do INCA, o médico Ary Frauzino começou sua carreira no Instituto em 1953, no Serviço de Cirurgia Abdominal, do qual assumiu a chefia no ano de 1964. Em 1980, assumiu a direção-geral do INCA. Exerceu esse cargo até junho de 1985, tendo promovido inúmeras reformas e programas e firmado convênios técnico-científicos que projetariam ainda mais o Instituto como um centro médico-hospitalar especializado em ensino e pesquisa. Defendeu a criação de uma fundação que pudesse dar apoio técnico e financeiro à instituição. Criada em 1991 para apoiar o INCA nos programas desenvolvidos dentro da Política Nacional de Controle do Câncer, a Fundação Ary Frauzino para Pesquisa e Controle do Câncer, também conhecida como Fundação do Câncer, tornou-se referência pela transparência e eficiência na gestão dos recursos. Esta idoneidade assegurou ao Instituto Nacional de Câncer um crescimento contínuo.

*Divisão de Comunicação Social
Instituto Nacional de Câncer
www.inca.gov.br

Material jornalístico de uso livre segundo as atribuições específicas de cada fonte exceto quando especificado em contrário. Fotos e textos podem pertencer a autores diferentes, sempre devidamente identificados. Créditos das fotos devem ser preservados. Nenhuma das fontes mantém qualquer vínculo comercial ou de outra ordem conosco. Em caso de dúvida, consulte. Leia também nossos Termos de Uso e Serviço | Preços, prazos, links e demais informações podem sofrer alteração e correspondem ao dia em que o material foi publicado sendo de responsabilidade da fonte original.