CaldoQuantico   Holopraxis   CQL   CreSentes   DNAtos   PARCEIROS   EXPEDIENTE   ANUNCIE   PRIVACIDADE E USOS  
Capa Geral Caderno 1 Caderno 2 Caderno 3 Caderno 4 Blogs Links Úteis Meteorologia
Instituto Eu Quero Viver
24/11/2008

Cultivando Água Boa é um programa de vanguarda nacional

   

O ministro do Meio Ambiente, Carlos Minc, disse que o Programa Cultivando Água Boa, da Itaipu Binacional, está na “vanguarda nacional” e pode servir de exemplo para outras hidrelétricas.

O ministro participou, neste domingo à noite, da abertura do 5º Encontro Cultivando Água Boa e do Fórum de Águas das Américas, em Foz do Iguaçu.

Ele prometeu que vai pedir ao presidente Luiz Inácio Lula da Silva para que o programa desenvolvido por Itaipu na Bacia do Paraná 3 seja replicado em outras usinas. “Itaipu está de parabéns: gera energia e defende o meio ambiente”, elogiou o ministro.

Os dois encontros, que têm como tema a preservação ambiental e o futuro dos recursos hídricos, ocorrem simultaneamente, até terça-feira, no Hotel Rafain Palace. Além de Minc, participaram da solenidade de abertura o presidente do Conselho Mundial da Água, Loïc Fauchon, o ministro do Meio Ambiente da Turquia, Veysel Eroglu, o governador do Paraná, Roberto Requião, a senadora Marina Silva, o diretor-presidente da Agência Nacional de Águas, José Machado, os diretores-gerais brasileiro e paraguaio de Itaipu, Jorge Samek e Carlos Quinto Mateo Balmeli, prefeitos de municípios da Bacia do Paraná 3 e outras autoridades.

Caio Coronel / Itaipu Binacional
Para o ministro Carlos Minc, o 5º Encontro Cultivando Água Boa e o Fórum de Águas das Américas são eventos que vão “deixar raízes de uma nova consciência, a da reconstrução ambiental”

Mais de três mil pessoas participam do 5º Encontro Cultivando Água Boa, que é aberto ao público em geral, com oficinas sobre gestão de bacias hidrográficas, agricultura sustentável, cultivo de plantas medicinais, gestão de resíduos, energias renováveis e edificações sustentáveis, entre outras.

Já o Fórum de Águas das Américas, que é um evento fechado, reúne representantes de 37 países. Eles vão discutir o que será levado para o Fórum Mundial das Águas, que será realizado em março de 2009, na Turquia. O objetivo é promover uma plataforma de discussão e, com base nisso, fazer um diagnóstico da situação da política e gestão de recursos hídricos no continente americanoe traçar propostas de políticas adequadas para enfrentar o desafio das mudanças climáticas, principalmente.

Para o ministro Carlos Minc, o 5º Encontro Cultivando Água Boa e o Fórum de Águas das Américas são eventos que vão “deixar raízes de uma nova consciência, a da reconstrução ambiental”. O governador Roberto Requião afirmou aos participantes do encontro que, no Paraná, todos compartilham da mesma meta: “transformar o Estado em um dique de contenção do lucro acima das questões ambientais”.

A senadora Marina Silva, que faz parte da Subcomissão das Águas do Senado, foi muito aplaudida quando teve seu nome anunciado entre as autoridades presentes. Em sua fala, Marina disse que o fórum preparatório para o encontro na Turquia tem um significado especial, não só pelo assunto em si, mas por acontecer no Brasil, um país que tem 11% de toda a água potável do planeta. “Isso nos dá uma responsabilidade muito grande”.

Tanto o diretor-geral brasileiro quanto o diretor-geral paraguaio de Itaipu, Jorge Samek e Carlos Mateo Balmelli, ressaltaram que o trabalho de preservação ambiental é feito em parceria com a comunidade. Samek disse que não haveria nenhum avanço na questão ambiental se não fosse o envolvimento das prefeituras e da população da Bacia do Paraná 3. Ele ressaltou ainda o apoio dos órgãos do governo do Paraná que atuam nessa área.
O presidente do Conselho Mundial da Água, Loïc Fauchon, aproveitou o mote do nome do Programa Cultivando Água Boa para afirmar que “cultivar boas águas expressa a necessidade de se preservar os recursos hídricos”. A água, segundo ele, é uma prioridade que o mundo inteiro deve defender.

O Conselho Mundial da Água, com sede na França, reúne 360 organizações de 60 países, com uma preocupação básica: tornar os cuidados com água uma prioridade para os governos.

Programação

O 5º Encontro Cultivando Água Boa prossegue nesta segunda-feira, a partir das 8h. Na abertura, o diretor de Coordenação de Itaipu, Nelton Friedrich, fará uma rápida explanação do programa e do que será desenvolvido no evento. Às 10h, o ministro do Meio Ambiente, Carlos Minc, fará uma palestra magna. À tarde, têm início as oficinas de trabalho.

Também nesta segunda pela manhã, os representantes das Américas do Sul, do Norte e Central vão discutir a situação da água na região. Na terça-feira, será apresentado o Documento Regional das Américas, que será levado à Turquia.

Baixe aqui a programação do Fórum

Itaipu Binacional | Divisão de Imprensa

Veja o que já publicamos sobre Meio Ambiente


Material jornalístico passível de direitos autorais.
Fotos e textos podem pertencer a autores diferentes.
Antes de reproduzir por qualquer meio, consulte sobre autorização
Leia também nossos Termos de Uso e Serviço
Preços, prazos e links podem sofrer alteração e correpondem ao dia em que o material foi publicado

Últimas no FarolCom

   
FarolCom no Pinterest
Brasil no Google Maps
Meio Ambiente
Meteorologia