Contribua   Assine   ou Acesse nossa campanha no Apoia-se

Nossos sites

Parceiros

Expediente

Políticas do Portal

Contribua para manter o Parque Nacional Serra da Capivara | Patrimônio Mundial pela Unesco
GERAL CADERNO 1 CADERNO 2 CADERNO 3
CADERNO 4 BLOGS LINKS ÚTEIS METEOROLOGIA

| Dengue, Zika e Chikungunya no Caderno Saúde |
A sociedade mobilizada para vencer essa luta

Ambiente | Energia | Lixo | Água | Mariana

Ecopontos, Feiras-Livres e outros serviços em Uberlândia
quinta-feira, 11 junho, 2015 - 23h01

Fazenda marinha permitirá cultivo de plantas e animais

Um local para o desenvolvimento da aquicultura (técnica de cultivo de animais e plantas aquáticos) com o uso sustentável do ambiente marinho e um laboratório didático flutuante para práticas de criações no mar

   

Esse é propósito do AquaLab, um projeto do Instituto Oceanográfico (IO) da USP que deve ser implantado no mar da Enseada do Flamengo, no município de Ubatuba, no Estado de São Paulo.

O primeiro passo para a instalação dessa fazenda marinha foi realizado no dia 14 de abril com assinatura de um Acordo de Cooperação Técnica entre a USP e o Ministério da Pesca e Aquicultura (MPA) para a cessão da área de pouco mais de dois hectares.

“Após a cessão da área, o projeto prevê a aquisição de equipamentos específicos que serão instalados para criação de peixes, moluscos e algas. O projeto original contempla quatro tanques rede circulares para peixes e dois a quatro longlines (cordas suspensas por boias). Como o laboratório será flutuante, é preciso fazer a ancoragem desse material”, explica o professor Daniel Lemos, professor do Laboratório de Aquicultura (LAM) do Departamento de Oceanografia Biológica do IO.

Divulgação
Estrutura experimental para testes das futuras instalações do AquaLab

A implantação do AquaLab está orçada em R$ 450 mil. Cerca de um terço desse valor já foi disponibilizado pelo programa Pró-Inovalab, da Pró-Reitoria de Graduação da USP. O Pró-Inovação no Ensino Prático de Graduação visa apoiar projetos para instalação de laboratórios destinados às aulas práticas inovadoras.

Segundo o pesquisador, já foi instalada uma estrutura experimental com uma balsa flutuante, na qual os peixes são mantidos em experimentos em frente à base do IO em Ubatuba para testes das futuras operações da fazenda marinha. “O AquaLab servirá de espaço para o ensino dos estudantes da USP e também para pesquisas relacionadas ao manejo, alimentação e nutrição de espécies marinhas. Nossos estudos são aplicados para os criadores, para que eles tenham maior produtividade de uma forma sustentável”.

A fazenda marinha deverá funcionar como uma estação de cultivo integrado multitrófico, um sistema inédito no Brasil de criação com organismos ocupando espaços e itens alimentares distintos, ao invés de sistemas com apenas uma espécie.

Divulgação
Área prevista para a instalação do AquaLab na Enseada do Flamengo, em Ubatuba

“O cultivo multitrófico, com a criação simultânea de diferentes espécies como peixes, mexilhões e algas, pode amenizar impactos de poluição do mar como o excesso de nutrientes para as espécies marinhas”, afirma Lemos.

Entre as espécies que serão cultivadas no AquaLab estão algas, camarão, mexilhão, peixes bijupirá, garoupa, robalo-peva, robalo-flecha. “O bijupirá é uma espécie de alto crescimento para a criação no litoral paulista e é ideal para o uso culinário, os estudos sobre a espécie podem melhorar a criação e oferta do peixe para os consumidores”, disse o pesquisador.

A expectativa para que o processo de compra e instalação dos equipamentos do AquaLab sejam finalizados é entre o final deste ano e começo de 2016.

Por Hérika Dias | Agência USP

Leia mais: Navios de pesquisa e Instituto Oceanográfico

Veja outras notícias sobre:

Desastre Ambiental em Mariana

Caderno Meio Ambiente

Material jornalístico de uso livre segundo as atribuições específicas de cada fonte exceto quando especificado em contrário. Fotos e textos podem pertencer a autores diferentes, sempre devidamente identificados. Créditos das fotos devem ser preservados. Nenhuma das fontes mantém qualquer vínculo comercial ou de outra ordem conosco. Em caso de dúvida, consulte. Leia também nossos Termos de Uso e Serviço | Preços, prazos, links e demais informações podem sofrer alteração e correspondem ao dia em que o material foi publicado sendo de responsabilidade da fonte original.

Documento sem título
Considere contribuir com nosso trabalho

Últimas no FarolCom

Veja também

FarolCom no Twitter

FarolCom no Pinterest